O BLOG NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS:

PRÁTICAS DE EMANCIPAÇÃO E DE DESENVOLVIMENTO DA LINGUAGEM

Rodrigo Martins Bersi

Prof. Dr. José Carlos Miguel

Financiamento: CAPES

 

Introdução

  • Pesquisa Qualitativa: processo de implementação de um instrumento digital para produção textual no cotidiano escolar
  • TDIC – Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação
  • EJA – Educação de Jovens e Adultos
  • Filosofia da Linguagem

 

A legitimação histórica e as concepções didáticas, políticas e pedagógicas na educação de jovens e adultos

  • Concepções de projetos políticos e pedagógicos de concepções em EJA
    • Educação Bancária
    • Educação Libertadora
  • Legitimação histórica dos projetos políticos e pedagógicos em EJA
    • Educação Popular
    • EJA como políticas públicas
    • Educação como direito do cidadão ao longo da vida
  • TDIC – Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação na Educação
    • EaD – Educação à Distância
    • Capacitação Técnica/Profissionalização
    • Letramento Digital
    • Autonomia e Softwares Livres
  • Ação  Pedagógica
    • Práticas de leitura e escrita
    • Produções textuais e participação dos sujeitos pela linguagem
    • Emancipação dos sujeitos e desenvolvimento da linguagem
    • Formação Integral, humanizadora e omnilateral
    • Biblioteca popular: produção autoral pelos sujeitos

 

Metodologia de pesquisa e práticas de desenvolvimento da linguagem e de emancipação dos sujeitos

  • Pesquisa Qualitativa: Abordagem Pesquisador-Participante
  • Experimento Formativo: implementação do Blog Escolar
  • Relação entre Teoria e Prática
  • Relação direta com o ambiente de pesquisa
  • CEEJA – Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos / Projeto UBUNTU – Eu sou por quê nós somos
  • PEJA – Programa UNESP de Educação de Jovens e Adultos
  • Cronograma de pesquisa: 1. Implementação; 2. Utilização; 3. Acompanhamento; 4. Publicação de Resultados

 

Resultados da pesquisa: ações e produções dos sujeitos com o blog e seus conteúdos

  • Biblioteca Popular: produção de conteúdos autorais pelos sujeitos
  • Autobiografias: valorização das vivências e experiências dos sujeitos
  • Publicações diversas: 18 ao total; 13 autobiografias; 4 publicações de denúncia social (dessas, 2 imagens); 1 publicação de homenagem aos docentes do CEEJA
  • Narrativas com forte carga emocional
  • Bom envolvimento dos sujeitos em atividades de letramento
  • Contato direto com TDIC
  • Aumento nos acessos ao Blog
  • Organização e gestão escolar
  • Comunicação entre a comunidade escolar e com a comunidade externa

 

Considerações Finais

  • Experimento estimulante de produções autorais
  • Valorização dos sujeitos
  • Participação na internet
  • Blog Educacional tornou-se Blog Escolar
  • Divulgação de informações
  • Organização e gestão da instituição
  • Ferramenta digital gratuita, heterogênea e maleável
  • Formação de professores e utilização de recursos digitais

 

Referências

COUTINHO, C.; LISBOA, E. Sociedade da informação, do conhecimento e da aprendizagem: desafios para a educação no século XXI. Revista de Educação, Vol. XVIII, nº 1, 2011. p. 5-22

FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler: em três artigos que se completam. São Paulo: Cortez, 1989.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 59. ed. Paz e Terra: Rio de Janeiro, 2015.

LIMA, A. (org.). Indicador de alfabetismo funcional – INAF: estudo especial sobre alfabetismo e mundo do trabalho. Instituto Paulo Montenegro: São Paulo, 2016.

LIMA, A. (org.). Indicador de alfabetismo funcional – INAF Brasil 2018: resultados preliminares. Instituto Paulo Montenegro: São Paulo, 2018.

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: Editora EPU, 1986.

MIGUEL, J. C. Programa UNESP de Educação de Jovens e Adultos – PEJA/Marília: articulação entre teoria e prática na formação do educador e a perspectiva de integração social e comunitária. EDUCAÇÃO: Teoria e Prática – v. 19, n.33, jul.-dez.-2009, p.69-85

PALUDO, Conceição. Educação popular como resistência e emancipação humana. Cadernos CEDES, v. 35, p. 219-238, 2015.

ROJO, Roxane Helena R. Hipermodernidade, multiletramentos e gêneros discursivos. 1 ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2015.

VARGAS, P. G.; GOMES, M. F. C. Aprendizagem e desenvolvimento de jovens e adultos: novas práticas sociais, novos sentidos. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 39, n. 2, p. 449-463, abr./jun. 2013.

VYGOTSKY, L. S. Pensamento e linguagem. Edição eletrônica: Ed. Ridendo Castigat Mores, 2001. Disponível em: http://www.ebooksbrasil.org/adobeebook/vigo.pdf Acessado em: 13/10/2017.