Escola

Como praticar o mal tornou-se algo banal?

Acompanhe o vídeo, da nossa série “Filosofia e o Mundo do Trabalho”, sobre a temática da Banalidade do mal, estudado na terceira série do Ensino Médio. 

Durante a Segunda Guerra Mundial, 11 milhões de pessoas foram executadas em campos de concentração. Mas por que tantos alemães cumpriram as ordens nazistas sem contestação? Seriam pessoas más? A partir do julgamento de um oficial alemão, a filósofa Hannah Arendt busca respostas e cria o conceito de banalidade do mal. Um alerta contra os regimes totalitários.

Referência: Vídeo EJA Mundo do Trabalho, 2014.
Prof. Dr. João Ras

joao paulo francisco de souza

Professor Coordenador do CEEJA

Você também pode gostar...

Deixe um comentário